IAM com Supra de ST

Clique aqui e veja o conteúdo do vídeo completo!

Uma das apresentações mais graves das síndromes coronarianas agudas (SCA), o infarto agudo do miocárdio (IAM) com supradesnivelamento do segmento ST, é discutida em relação ao risco de tromboembolismo venoso (TEV) neste vídeo da Dra. Ariane Vieira Scarlatelli Macedo, coordenadora nacional da Cardiologia Oncológica da Rede D’Or São Luiz.

Inicialmente, a Dra. Ariane Macedo aponta os principais fatores de risco e descreve brevemente o processo que leva à ocorrência do IAM, a partir da formação da placa aterosclerótica, evoluindo para a ocorrência de angina e outros sintomas que configuram a SCA. Nesse contexto, são descritos os mecanismos que levam à formação de um trombo.

As SCA podem manifestar-se com ou sem supradesnivelamento do segmento ST no traçado eletrocardiográfico. O supradesnivelamento ST indica a oclusão total da luz do vaso coronariano por um trombo. Essa condição é descrita em mais detalhes pela cardiologista, com a apresentação clínica típica, achados laboratoriais e critérios eletrocardiográficos. A evolução temporal da lesão miocárdica descrita pela Dra. Ariane Macedo ressalta a importância da intervenção rápida para reperfusão, com estratégias que incluem a angioplastia, em serviços que dispõem de tal opção, ou o uso de agentes trombolíticos.

O tratamento anticoagulante com heparinas pode ser realizado com heparina não fracionada (HNF) ou de baixo peso molecular (HBPM), como a enoxaparina. A palestrante traz ainda a exposição de um algoritmo de manejo das SCA, com ou sem supradesnivelamento do segmento ST, além das indicações de anticoagulação para cada situação clínica dessa grave condição.

20/10/2021

0 responses on "IAM com Supra de ST"

Leave a Message

O seu endereço de e-mail não será publicado.

top
clannad-editora-cientifica2022 © Clannad Editora Científica. Todos os direitos reservados.